Open/Close Menu Experiências e descobertas sobre a comida, a culinária e o comer

Sabem o Google Maps? Pois é, agora eu uso direto para marcar lugares para conhecer. Em uma das andanças tive que sacar o plano B: Google Maps! Eu tentei ir a um restaurante no Bom Retiro e esqueci que não aceitavam nenhum cartão…

Bem, o meu mapa de desejos me salvou: encontramos nas proximidades o Tofu House, um restaurante que eu tinha visto pelo Yakissoba Não.

Chegamos tímidos, vendo uma placa na porta com fotos dos pratos e os dizeres “caldeirada de tofu”.

E fomos nessa! Com muita tranquilidade, nos entregaram o cardápio (bem simples, uma folha plastificada) com um número seleto de opções. E fomos de Sundubu – a tal da caldeirada!

Primeiro veio uma entradinha… Que agora pensando não sei muito bem por que eu colocaria a foto de uma alface… mas ok!

Depois, chegaram uns acompanhamentos, chamados banchan! Sempre aparece um kimchi que eu não me aguento, como um pouco de nada e depois me arrependo pois meu estômago não é amigo das pimentas. Mas sempre dá vontade de experimentar!

Aí a gente ficou olhando os dois ovos crus ali na esquerda da foto… Moço, eu ponho onde isso? Calma… vai chegar o Sundubu e vocês colocam dentro do caldo!

O meu show de diversões é quando a comida vem se mexendo… Mas calma! Nada vivo galera! Olha que genial, o ovo vem tão quente, fervendo que mexe a camada da parte de cima (adoro esses efeitos… até agora minha coleção só tem esse ovo e um okonomiyaki com katsuboshu dançando).

Bem, depois do showzinho, chegou o meu Sundubu… Só que eu sou fraca com pimenta, então a versão que vocês vêem aqui é a zero picância!

No fim das contas, Sundubu jjigae é um ensopado ou caldeirada de tofu cozido por mais de 20 horas e que pode vir carnes, vegetais e gochujang, a pimenta coreana. Ele veio em uma louça própria, fervendo! Literalmente borbulhando… não deu tempo de gravar pois entre apreciar a comida, conseguir quebrar o ovo sem melecar a vida e sacar o celular com a mão ao mesmo tempo não fazem parte das minhas habilidades multifuncionais. Desculpa pessoal, na próxima eu peço ajuda!

O que eu não fiz que foi a bobagem-mor foi tirar foto do arroz. GENTE que arroz incrível é esse que me levou de volta a uma viagem que fiz onde o restaurante servia a comida em um bowl quente (cujo calor era mantido e conduzido através de um arame no próprio bowl)? O comportamento do arroz era igual: ele fica tostado no fundo e gruda, sendo impossível de retirar. Aí você coloca o caldo do tofu no fundo e como mágica ele desgruda e vem o sabor tostado delícia do arroz?

No lugar onde comi isso originalmente usava-se chá para desgrudar o arroz tostatinho!

Bem, esse não é o sundubu tradicional pois não é vermelho né? Sem problemas! O degustador companheiro de aventuras pediu com pimenta! Mas claro que eu resolvi tirar uma foto só e infelizmente temos somente uma foto tremida.

Mas pra ninguém ficar triste, eu procurei uma outra foto do Sundubu. Não é a do restaurante, mas para vocês terem uma ideia mais nítida:

Foto: avlxyz

No final das contas, foi ótimo conhecer e depois dar um pulinho no Beni Café ali do lado! Super voltaremos! Inclusive no inverno!

Tofu House

Rua Lubavitch, 93, Bom Retiro
Tel:(11) 4564-142
Horário de funcionamento: 11h30 às 14h30 | 17h às 21h (fecha dom.)

Tempo de Espera/Filas? Nenhuma, apesar de o restaurante estar relativamente cheio
Atendimento: Super tranquilo e explicativo. Todo mundo fala português, não se preocupe!
Imperdível: O caldo temperadinho, borbulhando e a experiência de quebrar você mesmo o ovo cru dentro do caldo!
E a comida? Acho que em dias frios, não pensaremos mais em lámen, pensaremos sundubu!

Write a comment:

*

Your email address will not be published.

© 2015 DIM SUM CAFÉ . Todos os direitos reservados.