Open/Close Menu Experiências e descobertas sobre a comida, a culinária e o comer

screen-shot-2016-11-01-at-9-54-01-pm

Você já leu o post do China Garden? Fez menos de um ano que eu escrevi e retorno com as novidades do restaurante!

Depois te ter me maravilhado com o restaurante pois parecia uma matrioska (a cada hora que você achava que sabia o tamanho real do restaurante, eles te mostram MAIS uma sala que você não imaginava que existia), ficamos sabendo que o lugar estava servindo Dim Sum! E nós, como uma família fissurada nos queridos dumplings, precisávamos ver se isso tudo era verdade ou não!

Pois bem!

Ao chegar lá, você recebe o cardápio (que obviamente já mudou desde a primeira visita – não tem mais os pratos de R$ 8.888,88). Ele está totalmente recheado de fotos e descrições que são, huh… no mínimo curiosas. Nos matamos de tanto gargalhar com várias coisas. Aí, que você vai receber um folha e a parte do dim sum é considerado um café da manhã. O que faz todo sentido lá na China, onde os pastéis e trouxinhas são degustados pelo horário da manhã também. Afinal já que tem que labutar, que seja de barriga cheia e feliz!

Primeiro probleminha que você deve encontrar:

screen-shot-2016-11-01-at-9-53-51-pm

Yup. Tá em chinês. E mesmo que o google tradutor ou pleco estejam afiadíssimos, a nossa velocidade em traduzir tudo é bem menor que o desejado. E você fica na ansiedade de saber o que é, mas não consegue traduzir! Para nossa sorte, o almoço teve a presença da minha tia!

Mas nada temam! Se você pegar o cardápio e com paciência – e muita fome de novidade – vá folheando… No final do cardápio os dim sum são apresentados com fotos! Ufa! Um problema a menos!

screen-shot-2016-11-01-at-9-52-19-pm

Fomos pedindo e nos empolgamos! Pedimos os clássicos gyosa (jiaozi), yakissoba (chow mein) e siu mai (shu mai). Peço uma pausa para justificar os próximos pratos: não sei os nomes deles (nem em mandarim e nem em cantonês), portanto usarei a minha descrição de cada um deles. Se você quiser pedir esses que estão nas fotos, fica a dica: me chama que eu vou lá pedir pra você. A taxa para isso é, claro, que eu possa almoçar/jantar também. hehehe.

Pedimos ainda: cabeça de leão, massa de arroz recheada de camarão e porco, har gow (dumpling de camarão), zhou (uma sopa que lembra uma canja de galinha bem mais encorpada), xiaolongbao (o famoso dumpling do vapor que tem um caldo no fundo), uma pastel de legumes com massa de arroz igual a do har gow e lai wong bao (bao doce).

O que achamos?

screen-shot-2016-11-01-at-9-53-13-pm

Cabeça de leão: Os comensais que estavam comigo não gostam muito de quando essa super almôndega macia vem com raspas de tangerina. Só que eu amo! Acho que raspas de tangerina dão um sabor especial. Igual quando tem costelinha no vapor com raspas de laranja! Mas tive que concordar, a versão do Golden Plaza é mais gostosa pois vem um molhinho para acompanhar!

screen-shot-2016-11-01-at-9-53-21-pm

Shu Mai / Siu mai: Meu dumpling favorito. Mas acho que o deste restaurante não veio para ficar no ranking! De qualquer forma, acho que é porque ele parecia um pouco diferente do que eu tô acostumada.

screen-shot-2016-11-01-at-9-52-35-pm

Jiao zi de vegetais: Este era muito saboroso! Mas meu momento não-posso-com-pimenta não me deixou comer inteiro! Mas todo mundo da mesa super aprovou! Essa massa é mais elástica, como a da har gow… Inclusive…

screen-shot-2016-11-01-at-9-52-44-pm

Har Gow: O que era esse recheio? Ele explodia na boca! Era um super camarão gordinho, gostoso de morder, que estala na hora que ele passa no seu dente! Sério, entrou pro ranking de melhores texturas e sabores de har gow da minha memória (sorte que ela é curta e eu tenho que ficar experimentando tudo de novo para lembrar). Se tem algo que eu destacaria no pedido do dim sum no China Garden é isso. Har Gow.

screen-shot-2016-11-01-at-9-52-54-pm

Yakisoba: Macarrão pois tínhamos crianças na mesa que não são tão aventureiros quanto o resto dos seus acompanhantes. Esse curiosamente parece que tem mais legumes do que macarrão né? Ele é mais fininho mesmo.

screen-shot-2016-11-01-at-9-53-02-pm

Xiaolongbao: O xiaolongbao foi um pouco decepcionante. CADÊ o caldo? A graça desse dumpling é o caldo! Ok. Lição aprendida, xiaolongbao é no Restaurante Shanghai (clique para ler o post sobre esse restaurante)!

screen-shot-2016-11-01-at-9-53-27-pm

Lai Wong Bao: Esse é que é o Lai Wong Bao. É um bao zi recheado com um creme de ovos doce. Não é doce como os doces portugueses, mas ele cria um creme bem gostoso! Melhor comer ele quentinho! É quase a nossa sobremesa depois de tantos pratinhos.

Avaliação final?

Os pratos estavam muito bonitos, mais caros que os outros restaurantes chineses que já fui, porém com uma apresentação e ambiente muito bacanas se comparados aos tradicionais restaurantes da Liberdade (algo a se considerar se você quer impressionar alguém ehehhe).

Os recheios eram bem saborosos, vinha bastante e eram muito bem feitos! Talvez as massas já tenhamos comido outras mais interessantes. Mas o recheio do har gow… era muito bom!

Voltamos lá? Sim, para comemorações, apresentação de pratos chineses bonitos e mais descobertas do cardápio que é enorme. E com certeza pediria alguns dos itens que pedimos novamente!

China Garden (Dim Sum)

Av. Turmalina, 45, Aclimação
Tel: (11) 3208-0826
Horário de funcionamento: 12h/14h e 18h/22h

Tempo de Espera/Filas? Se você chegar perto do horário de fechar fica fácil, né?
Atendimento: Brasileiro e Chinês
Imperdível: Vai dar uma passeada no restaurante. Sério.
E a comida? Boa e bonita! Ultra recheios mandam!
#ficaadica: Peça o Har Gow. Sério. Pede mais de um!

Write a comment:

*

Your email address will not be published.

© 2015 DIM SUM CAFÉ . Todos os direitos reservados.